Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Highlights 2trim.2012 – M. Dias Branco – MDIA3

Publicado em 31.07.2012 por na(s) categoria(s) Análises, MDIA3, x Raio X

 

Fundamentos

  • M. Dias Branco teve lucro líquido de R$ 116,5 milhões no segundo trimestre, alta de 41,2% ante o mesmo período de 2011.
  • O Ebitda do período cresceu 49,4%, para R$ 163,1 milhões, com a margem Ebitda avançando 3,5 pontos porcentuais
  • O volume de vendas de biscoitos foi de 124,4 mil toneladas, alta de 16,6%, enquanto o de massas foi de 77,4 mil toneladas, expansão de 11,8%.
  • O Custo dos Produtos Vendidos (CPV) da empresa de alimentos M. Dias Branco aumentou 11,5% no segundo trimestre do ano, passando de R$ 489,6 milhões para R$ 545,9 milhões.
  • O custo médio de aquisição do trigo no período diminuiu 2,8%. Mas os gastos com óleo subiram 55,1% na mesma base de comparação. Também houve aumento de 31% nos custos com mão-de-obra, em função dos reajustes por acordos coletivos.
  • A empresa em conferência reiterou que segue atenta tanto ao cenário global de preços de commodities agrícolas como ao da taxa de câmbio.

image
Patrim. Líquido

image
Receita Líq. (12m)

image
Lucro Líquido (12m)

image
Ebit (12m)

image
Caixa

image
Div. Líquida

Gráficos

Ativo em tendência de alta. Canal de alta desde o fundo de Agosto de 2011 vem sendo respeitado. Depois do primeiro pivot, a média de 20 períodos vem se mantendo acima da média de 50 períodos confirmando a tendência. A força deste canal de alta permitiu o rompimento de uma grande zona de congestão que já durava aproximadamente 2 anos (retangulo rosa) e que tinha como principal resistência a faixa entre R$48,40/R$49,00.  A resistência no curto prazo é o topo anterior nos R$60,50 e o suporte fica em R$53,50.

MDIA3
Gráf. Diário

MDIA3s
Gráf. Semanal

Highlights 2trim.2012 – Souza Cruz – CRUZ3

Publicado em 30.07.2012 por na(s) categoria(s) Análises, CRUZ3, x Raio X

 

Fundamentos

  • Lucro Líquido de R$398Milhões, alta de 8,3% ante 2trim.2011.
  • Receita Líquida subiu 18,1% para R$1,5Bilhão
  • Dividend yield deve continuar atrativo em 4%aa.
  • Volumes de vendas menores de cigarros pelo aumento dos preços de 24% ocorrido em Abril.
  • Acirramento da concorrência com os produtos ilegais, prejudicada ainda pelo lei do preço mínimo de R$ 3,00 para os maços de cigarros a partir de maio.
  • Com um P/L acima de 25x, o ativo parece bem sobrevalorizado. Mesmo com o setor de consumo, costumeiramente, trabalhar com múltiplos esticados.

 

image
Patrim. Líquido

image
Receita Líq. (12m)

image
Lucro Líquido (12m)

image
Ebit (12m)

image
Caixa

image
Div. Líquida

 

 

Gráficos

O mercado realizou uma puxada nos preços antes do anúncio do balanço do 2trimestre, rompendo inclusive a máxima histórica que se encontrava nos R$30. Depois dos resultados, a #CRUZ3 abriu em gap de baixa e testando o topo anterior. Observando o gráfico semanal de longo prazo é interessante perceber a solida tendência de alta. A característica defensiva do papel minimiza os impactos das recentes crises mundiais (subprime e europeia).

CRUZ3
Gráf. Diário

CRUZ3s
Gráf. Semanal

.

Highlights 2trim.2012 – Grendene – GRND3

Publicado em por na(s) categoria(s) Análises, GRND3, x Raio X

 

Fundamentos

  • Lucro líq. R$59,5milhões, alta de 61,4%.
  • Ebitda R$39,5milhões. Crescimento de 246% em relação ao 2trim.2011.
  • Receita líquida R$330milhões, +35%.
  • Pagamento de dividendos de R$0,142/ação. Ex – 07/08
  • Crescimento dos números ocorreu graças ao mercado interno, apesar do pífio 1trimestre. Produtos com tickets mais baixos continuam com demanda aquecida.
  • No exterior, a Grendene faturou 76,1% mais no segundo trimestre em relação ao mesmo intervalo de 2011, passando de R$ 53,8 milhões para R$ 94,7 milhões. O preço médio dos pares exportados subiu 69%, de R$ 7,19 para R$ 12,15. A desvalorização do real frente ao dólar foi fundamental para a performance.
  • A Grendene decidiu manter as metas do plano para o período 2011-2015, que prevê crescimento do lucro liquido entre 12% e 15% em cinco anos e receita bruta entre 8% e 12% até o final de 2015.
  • Comportamento anormal da resina de PVC elevou o custo dos produtos vendidos (CPV) em 21%. Apesar disso a empresa conseguiu reduzir o custo por par em 2%, graças a utilização mais eficiente da mão de obra, a otimização dos processos industriais e o aumento de volumes de pares vendidos.
image_thumb1Patrim. Líq.

image_thumb3
Rec.Líquida

image_thumb2
Lucro Líquido

image_thumb4
Ebit

image_thumb6
Caixa

image_thumb5
Dívida Líq.

Gráficos
Ativo opera próximo de sua máxima histórica. Rompimento da zona de congestão (retângulo verde) que já durava aproximadamente 3 meses, confirma a tendência de alta. A expectativa é que o gap deixado na sexta-feira após o anúncio do balanço do 2trim. seja fechado, com os preços realizando um processo salutar de realização de lucros e retornando à media. O topo rompido dos R$10,80/R$11,00 passa a ser um suporte a ser observado no curto prazo.

GRND3_thumb
Gráf. Diário

GRND3s_thumb
Gráf. Semanal



Highlights 2trim.2012 – Telefônica Vivo – VIVT4

Publicado em por na(s) categoria(s) Análises, VIVT4

.

Fundamentos

  • Receita líquida de R$8,2Bilhões. Ebitda R$3,09Bilhões. Lucro líquido de R$1,08Bilhões.
  • Adições no segmento móvel diminuíram 52,9% no trimestre. Já o tráfego de minutos aumentou 17% no período.
  • Queda de 5,6% no Lucro Líquido do trimestre em relação ao mesmo período do ano passado. Aumento dos impostos e despesas financeiras estariam entre os motivos. Ou seja, o resultado foi influenciado por eventos não recorrentes.
  • Provisão de devedores duvidosos subiu 20% em relação ao mesmo período do ano passado. Foi para R$158milhões. Reflexo do aumento da inadimplência.
  • Dívida bruta recuou 4% em relação ao 2tri2011. A empresa informou que a dívida em US$ está 100% coberta por operações de hedge.

 

 

image
Patrim. Líq.

image
Rec.Líquida

image
Lucro Líquido

image
Ebit

image
Caixa

image
Dívida Líq.

.

.

Resumo Semanal 27/07

Publicado em 27.07.2012 por na(s) categoria(s) Análises, Análises em Vídeo, Análises Semanais

IMPORTANTE: Para ver o vídeo, basta clicar no play. Na barra de comando, sugiro que coloquem a resolução de 720p, assim a qualidade será de HD. Além disso, clicando no canto inferior direito poderão assistir ao vídeo em tela cheia.

.

Disclaimer: O vídeo têm propósito exclusivamente informativo e o intuito apenas de servir como um canal de discussão sobre estratégias gráficas e fundamentalistas. Em nenhum momento, as opiniões pessoais do autor representam recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. O autor não recomenda que seja feito uso desses modelos em aplicações comerciais e por sua vez, não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas.

Highlights 2trim.2012 – Cielo – CIEL3

Publicado em 26.07.2012 por na(s) categoria(s) Análises, CIEL3, x Raio X

 

Fundamentos

  • Lucro no 2trim2012 somou R$548milhões, alta de 29,6%. Ebitda foi de R$705milhões, alta de 20,7%. Receita Líq. R$1,26 bilhão, +28,3%.
  • Empresa elevou sua participação no mercado para 61,1% no 2trim. Redecard ficou com 38,9%.
  • Número de clientes aumentou 13,3% nos últ. 12 meses, atingindo a marca de 1,3 milhão ao final do 2trimestre.
  • As taxas cobradas dos lojistas subiram de 1,01% em média para 1,03%.
  • O valor do aluguel dos terminais subiu 14,3% em relação ao valor cobrado no mesmo período do ano passado. Em média agora o aluguel do chamado POS é de R$75. Esse valor está próximo a valores praticados antes do fim do monopólio. Aluguel do POS responde por 22% da receita da cia.
  • A cia espera uma queda no market share nos próximos trimestres devido a agressividade da Redecard em grandes clientes. O fechamento de capital dará mais agilidade e flexibilidade para a empresa do Itaú.
  • O crescimento do Santander (em parceria com o GetNet) também preocupa. Acredita-se que o concorrente pode alcançar 10% do mercado em 2013.

 

image image image

image image image

Gráficos

Ativo em tendência de alta a aproximadamente 1 ano e meio. Canal de alta no gráfico semanal (linha rosa) bem configurado. Neste momento, a CIEL3 no curto prazo faz um pullback na MM20 e no topo anterior rompido.

CIEL3 CIEL3s

.

Highlights 2trim.2012 – Natura – NATU3

Publicado em por na(s) categoria(s) Análises, NATU3, x Raio X

 

Fundamentos

  • Lucro liquido de R$215milhões (+14,3%). Receita Líquida somou R$1,6 bilhão. Ebitda foi de R$391milhões (+19,7%)
  • Operações internacionais cresceram 26,2%. Apreciação da moeda americana ajudaram
  • Otimização dos investimentos em marketing e maior eficiência logística, diminuíram as despesas com vendas. No 2trim2012, representaram 34,2% da receita líquida, ante 34,9% do 2trim2011.
  • Operação na Argentina se mostra “desafiadora”. Principal imbróglio ocorre no processo de importação dos produtos.
  • A empresa elevou o n. de consultoras. Agora existem no Brasil 1,226 milhões de consultoras (+13,6% ante 2trim.2011). No exterior são 280mil consultoras (+28,8%).
  • Prazo de entrega dos produtos passou de 6dias para 4dias. Até 2013, o objetivo é reduzir para apenas 2dias.
  • A empresa prevê realizar um novo reajuste de preços até o final de 2012.

 

image image image

image image image

 

Gráficos

Forte tendência de alta, fazendo topos e fundos ascendentes tanto no gráfico diário como no gráficos semanal. Este atual patamar de preços é a máxima histórica do ativo. Gap deixado hoje deve ser fechado antes da retomada da tendência.

 

NATU3 NATU3s

.

Highlights 2trim.2012 – Vale – VALE5

Publicado em por na(s) categoria(s) Análises, VALE5, x Raio X

 

 

Fundamentos

  • Resultado da Vale – Lucro recua 58,7%, para US$2,6 bilhões – Ebitda sobe 19,7%, R$391,6milhões. (Padrão US GAAP)
  • Levando em consideração o padrão IFRS, o lucro líquido da Vale alcançou R$5,3 bilhões, queda de 48,3% em relação ao mesmo período do ano passado.
  • O preço do minério foi o principal responsável pelo recuo do resultado da companhia.
  • A empresa no 2trim. recuperou os níveis de produção que haviam sido afetados no 1trimestre deste ano devido as chuvas nas principais plantas da cia.
  • Acordo com o DNPM sobre os royalties e o marco regulatório do setor em votação no Congresso, ainda são as questões que mais preocupam o mercado.
  • O preço médio do minério de ferro da Vale no 2trimestre foi de US$ 103,29. Uma queda de 28,9% em relação ao 2trim2011.
  • O custo dos produtos vendidos cresceram aproximadamente  5% em relação a igual período do ano passado. Motivo: despesas com pessoal e manutenção de equipamentos.
  • China respondeu por 43,7% das vendas de minério de ferro da Vale no segundo trimestre.
  • Dívida líquida ficou em US$21,4 bilhões. Avanço de 90,8% em relação ao 2trim. 2011. Relação Div.Bruta/Ebitda passou a ser de 0,94.
  • A depreciação do real teve um impacto negativo no balanço na ordem de US$1,693 bilhão. A dívida em dólar pesou neste sentido.
  • Ferreira, presidente da Vale: o foco da empresa continuará sendo minério de ferro, carvão e fertilizantes.
  • Empresa trabalha com a retomada do preço do minério no curto prazo.
  • Todos os navios enviados para a China com minério de ferro foram vendidos.
  • Murilo Ferreira da Vale, afirma que nos próximos 5 anos pretende dobrar a produção de minério de ferro em Carajás. A alta qualidade do minério de Carajás garante uma forte demanda mesmo diante um cenário mais desfiador e com preços menos atrativos.

 

image image image

image image image

 

Gráficos

Depois de perder os R$37,82, a #VALE5 realizou um pivot de baixa e neste momento testa o importante suporte dos R$34. Pelo gráfico semanal, podemos notar que este patamar já foi testado outras 5/6 vezes. Isso portanto representa um ponto importante que deve ser observado. Em um período mais longo notamos a formação de triângulo descendente (linha verde). O rompimento da LTB proveniente do topo dos R$48,50 ( máx. de 2011) pode representar uma mudança de tendência.

 

VALE5 VALE5s

.

Highlights 2tri2012 – Bradesco – BBDC4

Publicado em 25.07.2012 por na(s) categoria(s) Análises, BBDC4, x Raio X

 

Fundamentos

image image image

image image image

 

  • Nova alta na inadimplência, para 4,2%.
  • Inadimplência de  grandes empresas atingiu 0,9% em Junho. O maior desde 2009.
  • As provisões subiram forte no trimestre o que acabou ofuscando o bom retorno do setor de seguros.
  • Presidente, Luis Carlos Trabuco, justificou o aumento das provisões como algo pontual e reflexo principalmente da alta do dólar.
  • O lucro Líquido no trimestre foi de R$2,8 Bilhões, 1,4% superior ao do primeiro trimestre de 2012.
  • Dividendos no ano passado ficaram acima de 3%. Pagos mensalmente e com a queda de juros, os dividendos da cia passam a ser mais atrativos para investidores de longo prazo.

 

Gráficos

BBDC4 BBDC4s

 

  • Depois da última perna de alta iniciada do fundo nos R$26,35 até o topo dos R$31,37, o ativo corrige até a retração de 50% de Fibonacci. O volume depois do anuncio do resultado do 2trim2012 subiu muito. O principal suporte no curto prazo se encontra nos R$28,70. No gráfico semanal percebemos o ativo dentro de uma congestão marcada pela máxima e mínima do ano.

.

Resumo Semanal 06/07

Publicado em 06.07.2012 por na(s) categoria(s) Análises, Análises em Vídeo, Análises Semanais

IMPORTANTE: Para ver o vídeo, basta clicar no play. Na barra de comando, sugiro que coloquem a resolução de 720p, assim a qualidade será de HD. Além disso, clicando no canto inferior direito poderão assistir ao vídeo em tela cheia.

.

Disclaimer: O vídeo têm propósito exclusivamente informativo e o intuito apenas de servir como um canal de discussão sobre estratégias gráficas e fundamentalistas. Em nenhum momento, as opiniões pessoais do autor representam recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. O autor não recomenda que seja feito uso desses modelos em aplicações comerciais e por sua vez, não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas.